Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
3
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Eduardo Dâmaso

Apanhar e investigar

Pelo que se vai lendo da investigação ao caso Pedro Dias há uma ilação essencial a tirar.

Eduardo Dâmaso(eduardodamaso@sabado.cofina.pt) 4 de Janeiro de 2017 às 00:31
Pelo que se vai lendo da investigação ao caso Pedro Dias, o fugitivo que fez abanar as polícias e a coordenação da segurança interna, há uma ilação essencial a tirar: é preciso afinar a reação inicial das polícias a este tipo de ocorrência, mas não os mecanismos de investigação.

A coordenação correu mal, mas a investigação parece ter atado todas as pontas em termos probatórios. A PJ da Guarda e o Laboratório de Polícia Científica têm feito um bom trabalho de consolidação da prova, e isso é evidente.

Talvez seja hora de devolver mais cérebro a essa fase inicial de apanhar os suspeitos. Ajudar o músculo que já existe sempre é melhor do que deixá-lo à solta.
Pedro Dias PJ Guarda Laboratório de Polícia Científica crime lei e justiça polícia investigação policial
Ver comentários