Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
3
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Eduardo Dâmaso

O mistério do dinheiro

O que pensar de um ex-primeiro-ministro sem fortuna, sem ter tido a sorte de ganhar o Euromilhões, que vive à grande em Paris, Lisboa, São Paulo ou por onde quer que andasse?

Eduardo Dâmaso(eduardodamaso@sabado.cofina.pt) 20 de Outubro de 2015 às 00:30
O que pensar de um ex-primeiro-ministro sem fortuna, sem ter tido a sorte de ganhar o Euromilhões, que vive à grande em Paris, Lisboa, São Paulo ou por onde quer que andasse? O que pensar de um ex-primeiro-ministro que tem dinheiro para pagar fortunas por férias, gastar milhares em roupa de luxo, hotéis e viagens, que admitia até passar um ano num resort algarvio, que compra prédios de luxo e financia toda a gente à sua volta? A única coisa que se pode pensar são mais perguntas: onde e como arranjou tanto dinheiro?

À investigação devemos exigir a prova, como é óbvio, mas como podemos deixar de exigir a Sócrates que esclareça este verdadeiro mistério que rodeia o dinheiro que lhe paga a mais pequena necessidade ou a maior extravagância? O que pensar, afinal, de um ex-primeiro-ministro, ex-líder do PS, que tem a lata de dizer: "É triste chegar aos 56 anos sem nada", como se fôssemos todos carneiros do seu imenso rebanho.
Eduardo Dâmaso opinião
Ver comentários