Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
8
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Fernanda Cachão

O estado das coisas

O encerramento da Avenida da Liberdade ao domingo e feriados não é o drama que alguns fazem.

Fernanda Cachão 18 de Maio de 2022 às 00:30
O encerramento da Avenida da Liberdade ao domingo e feriados não é o drama que alguns fazem da medida aprovada pela maioria na oposição a Moedas, mas sim o estado das coisas na Assembleia Municipal de Lisboa.

Já com a diminuição da velocidade máxima em dez quilómetros, apreciaremos o espetáculo de lemas, os olhos postos no conta-quilómetros no tablier - em risco de ‘beijar’ o da frente - para não dar o coiro ao radar e à multa.



Assembleia Municipal de Lisboa Moedas Avenida da Liberdade Lisboa política
Ver comentários
Hoje nas bancas
Capa do Dia
A primeira página do Correio da Manhã e o acesso ao e-paper Ver todas as
primeiras páginas
}