Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
4
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Fernanda Cachão

A propósito de comida

Podemos sempre temer os absurdos nascidos do excesso de zelo.

Fernanda Cachão 5 de Julho de 2021 às 00:30
Por estes dias entornou-se o caldo no país onde a vichyssoise não significa política e o soufflé é uma instituição nacional.

Num seminário em Paris, uma professora de Direito acusou a gastronomia francesa de ser supremacista, racista e colonialista, ou seja, coisa de privilegiados brancos.

No entender de Mathilde Cohen, Auguste Escoffier e Paul Bocuse deviam arder na fogueira do politicamente correto por terem cozinhado para reis e presidentes.



Exclusivos

Assinatura Digital

Acesso sem limites em todos os dispositivos Assinatura válida na APP Correio da Manhã Newsletters exclusivas E-paper antecipado no Quiosque Ofertas e descontos do Clube CM+
Assine já! 1€ no 1º mês
Paris Mathilde Cohen Auguste Escoffier Paul Bocuse política
Ver comentários
Hoje nas bancas
Capa do Dia
A primeira página do Correio da Manhã e o acesso ao e-paper Ver todas as
primeiras páginas
CM+
O Correio da Manhã para quem quer MAIS conteúdos e vantagens
Assine já 1 mês/1€
  • Todo o conteúdo exclusivo sem limites nem restrições.
  • Acesso a qualquer hora no site ou nas apps.
  • Acesso à versão do epaper na noite anterior.
  • Clube CM+ com vantagens e ofertas só para assinantes