Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
7
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Fernanda Cachão

Bombons a gulosos

Rocha Andrade considera que não há conflito de interesses por ter assistido a dois jogos do Euro 2016 com viagens pagas pela Galp.

Fernanda Cachão 9 de Agosto de 2016 às 02:15
Muito já se escreveu sobre a mulher de César, aquela senhora a quem não bastava ser séria, tinha de parecer. Neste caso, e já com uma rocha sobre o assunto, nem se põe já esta questão. Fernando Rocha Andrade considera que não há conflito de interesses por ter assistido a dois jogos do Euro 2016 com viagens pagas pela Galp, isto apesar de enquanto secretário de Estado ter sob a sua tutela a resolução de um conflito fiscal de muitos milhões que opõe o Estado à petrolífera. E, pelos vistos, António Costa também acha o mesmo.

O secretário de Estado dos Assuntos Fiscais prontificou-se a reembolsar a Galp pelas duas viagens a Paris para ver a Seleção jogar no Campeonato Europeu de futebol. E pronto, já está, mas não está. Muitos mais, e de vários quadrantes políticos, viajaram a expensas da petrolífera patrocinadora da seleção portuguesa. Precisavam? Não. Terá sido esta vez caso único, em que uma grande empresa distribui bombons a gulosos? Certamente que não.

O que fica desta história será a certa tendência, tão portuguesa, de quem está sentando em determinado lugar achar que ao lugar cabe e é devido o salamaleque.

Ver comentários