Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
5
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Fernando Ilharco

Não ter feito

Lamentamos mais o que não fizemos do que o que fizemos mal.

Fernando Ilharco 5 de Outubro de 2019 às 00:30
Ninguém é perfeito. Todos lamentamos uma ou outra coisa, que fizemos e podíamos não ter feito. É a vida, "a arte de desenhar sem borracha", como comentou o filósofo dinamarquês Kierkegaard. Mas, em geral, as pessoas lamentam mais o que não fizeram do que o que fizeram e que não tenha corrido bem. O que mais lamentam, escreve Bronnie Ware, enfermeira australiana, no livro ‘The Top Five Regrets of the Dying’, é não terem vivido uma vida mais de acordo com elas mesmas e não tanto conforme às expectativas dos outros.



Kierkegaard política
Ver comentários
Hoje nas bancas
Capa do Dia
A primeira página do Correio da Manhã e o acesso ao e-paper Ver todas as
primeiras páginas