Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
1
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Francisco J. Gonçalves

O adeus a uma era

A morte do bispo Desmond Tutu marca o adeus aos heróis que devolveram a dignidade à África do Sul.

Francisco J. Gonçalves 27 de Dezembro de 2021 às 00:30
A morte do bispo Desmond Tutu marca o adeus aos heróis que devolveram a dignidade à África do Sul. A par de Nelson Mandela, foi um dos símbolos maiores da luta contra o Apartheid.

Quis o destino que morresse duas semanas depois de Frederik de Klerk, último presidente do regime de segregação racial. Um e outro eram, em polos opostos, memoriais vivos do que o país foi e do que foi preciso fazer para derrubar o regime que representava o que de pior o colonialismo levou pelo Mundo: repressão, racismo, exploração dos povos.



Desmond Tutu África do Sul Nelson Mandela Apartheid questões sociais racismo morte
Ver comentários
Hoje nas bancas
Capa do Dia
A primeira página do Correio da Manhã e o acesso ao e-paper Ver todas as
primeiras páginas