Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
8
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Francisco José Viegas

Blog

O meu primeiro encontro com a memória de George Sand foi em Maiorca, no enorme mosteiro de Valldemossa.

Francisco José Viegas 8 de Junho de 2021 às 00:30
O meu primeiro encontro com a memória de George Sand (1804-1876, passam hoje 145 anos sobre a sua morte) foi em Maiorca, no enorme mosteiro de Valldemossa, onde passou algum tempo com Frédéric Chopin; os amantes (ela 34 anos, ele 28) refugiam-se nas Baleares em 1838, mas o músico sofria de tuberculose e a população local hostilizou-os.

Achei o romance tórrido (há um retrato maravilhoso de Delacroix representando George Sand a ouvir Chopin) – nesses anos, a escritora (o nome verdadeiro era Amandine Aurore Lucile Dupin, baronesa de Dudevant) já tinha um lugar garantido nas letras francesas, era amiga de Vítor Hugo, de Musset (com quem teve um caso – e com quem viajou em Itália na companhia de Stendhal), de Flaubert ou Balzac.

Exclusivos

Assinatura Digital

Acesso sem limites em todos os dispositivos Assinatura válida na APP Correio da Manhã Newsletters exclusivas E-paper antecipado no Quiosque Ofertas e descontos do Clube CM+
Assine já! 1€ no 1º mês
Ver comentários
Hoje nas bancas
Capa do Dia
A primeira página do Correio da Manhã e o acesso ao e-paper Ver todas as
primeiras páginas
CM+
O Correio da Manhã para quem quer MAIS conteúdos e vantagens
Assine já 1 mês/1€
  • Todo o conteúdo exclusivo sem limites nem restrições.
  • Acesso a qualquer hora no site ou nas apps.
  • Acesso à versão do epaper na noite anterior.
  • Clube CM+ com vantagens e ofertas só para assinantes