Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
4
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Leonardo Ralha

90 minutos de solidão

O capitão talvez tenha a sorte de esquecer aquela tarde remota.

Leonardo Ralha 21 de Junho de 2018 às 00:30
Muitos anos depois, diante do pelotão de fuzilamento, o coronel Aureliano Buendía haveria de recordar aquela tarde remota em que o seu pai o levou a conhecer o gelo." Assim começa ‘Cem Anos de Solidão’, a obra-prima do colombiano Gabriel García Márquez.

Muitos anos depois, diante do pelotão de jornalistas, o capitão Cristiano Ronaldo talvez tenha a sorte de esquecer aquela tarde remota em que os seus colegas o levaram a conhecer a experiência de terminar gelado o jogo do Mundial da Rússia em que pôs Portugal a vencer quase desde o início.



Ver comentários
Hoje nas bancas
Capa do Dia
A primeira página do Correio da Manhã e o acesso ao e-paper Ver todas as
primeiras páginas