Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
1
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Leonor Pinhão

Para o ano há mais

O Benfica despediu-se do seu lamentável campeonato de 2020/2021 com uma vitória robusta em Guimarães.

Leonor Pinhão 22 de Maio de 2021 às 00:30
O Benfica despediu-se do seu lamentável campeonato de 2020/2021 com uma vitória robusta em Guimarães. Na primeira meia hora de jogo já o Benfica tinha somado sete remates à baliza o que não deixa de ser notável até porque houve inúmeros desafios ao longo da temporada em que a equipa sob o comado de Jorge Jesus chutou tão pouco e tão mal às redes adversárias que não deixou de ser objeto de falatório e de escárnio aquela proposição, tão prematura, do seu Míster sobre a arte de "arrasar" a concorrência jogando "o triplo". Foi, certamente, a memória residual destas afirmações de Jorge Jesus, confrontada com a realidade, que terá levado no princípio da semana um vice-presidente do clube, Jaime Antunes, a sugerir ao treinador do Benfica uma postura de maior "humildade" para 2021/2022 embora se possa entender que mais do que "sugerir" – que implica uma reverência – tratou-se aqui de uma instrução de um dirigente a um funcionário que se revelou falível nas suas previsões.

Para que lado se deve agora virar Jesus depois de se ver repreendido na praça pública por Jaime Antunes? Os dirigentes, tal como os treinadores, têm também direito ao seu pessimismo e ao seu otimismo embora seja sempre da maior conveniência manter esses estados de espírito em equilíbrio e, sobretudo, em recato. Das declarações exuberantes do seu presidente do Conselho Fiscal em pleno Outono – "Estou convencido de que o Benfica ganhará tranquilamente o campeonato", disse Fonseca Santos – à recomendação de "mais humildade" proposta por Jaime Antunes a Jesus à beira do Verão vai um mundo de opostos que retrata na perfeição a imperfeição que foi a equipa de futebol do maior clube de Portugal na temporada que se encerrará amanhã com a discussão pela Taça de Portugal.

Exclusivos

Assinatura Digital

Acesso sem limites em todos os dispositivos Assinatura válida na APP Correio da Manhã Newsletters exclusivas E-paper antecipado no Quiosque Ofertas e descontos do Clube CM+
Assine já! 1€ no 1º mês
Ver comentários
Hoje nas bancas
Capa do Dia
A primeira página do Correio da Manhã e o acesso ao e-paper Ver todas as
primeiras páginas
CM+
O Correio da Manhã para quem quer MAIS conteúdos e vantagens
Assine já 1 mês/1€
  • Todo o conteúdo exclusivo sem limites nem restrições.
  • Acesso a qualquer hora no site ou nas apps.
  • Acesso à versão do epaper na noite anterior.
  • Clube CM+ com vantagens e ofertas só para assinantes