Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
9
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Luís Menezes Leitão

Condenação

É essencial que a justiça prevaleça, mesmo em tempo de guerra.

Luís Menezes Leitão 25 de Maio de 2022 às 00:30
Há muito que temos referido que os vários crimes de guerra que estão a ser praticados na Ucrânia não podem ficar sem a devida prossecução penal. A primeira condenação por crime de guerra já se verificou esta semana, com o soldado russo Vadim Chichimarine a ser condenado a prisão perpétua por ter matado a tiro um civil ucraniano desarmado, que se encontrava na rua quando foi surpreendido pelo exército russo e cujo corpo foi abandonado a poucos metros da sua casa.



Ucrânia Vadim Chichimarine política crime lei e justiça diplomacia justiça e direitos crime de guerra
Ver comentários
}