Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
3
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Magalhães e Silva

O saloio de Mação

Depois de St.ª Comba e de Boliqueime, sai-nos Mação nos tribunais?

Magalhães e Silva 11 de Setembro de 2016 às 00:30
O que se estará a passar com o Juiz Carlos Alexandre para, depois de mais de uma década de monástico silêncio, vir dar uma entrevista de vida à mais vista das estações noticiosas?

Lembro-me, aqui há uns anos, ainda o Dr. Álvaro Cunhal estava na política ativa, de o ouvir dizer que o voto dele, no Comité Central, valia o mesmo que o de qualquer outro militante. O senhor era tão perfeito, tão perfeito, que, mesmo com a importância icónica que tinha no PCP e com o prestígio que o acompanhava, no País e no estrangeiro, nada distinguia o Secretário-Geral do militante comum…

O Juiz Carlos Alexandre não foi por aí. Mas, surpreendentemente, permitiu-se fazer um comentário, claramente incriminatório, sobre processo que está na sua jurisdição, quando diz, em óbvia referência a Sócrates, que não tem dinheiro na conta de amigos. É pena que este magistrado, que não é promovido à Relação porque não tem livros e pós-graduações para invocar e precisa das horas extraordinárias da 1ª instância para pagar créditos hipotecários, manche a narrativa do homem de origem humilde, apelidado, por voz maldosa, de saloio de Mação, com esta bocarra. Ou será que está a pedir um incidente de suspeição?
Magalhães e Silva opinião
Ver comentários