Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
3
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Manuel S. Fonseca

Na lama

António Costa trouxe-me à memória o saudoso tempo em que os meus 20 anos arrastavam, em Angola, o colonialismo pela lama.

Manuel S. Fonseca 11 de Janeiro de 2022 às 00:30
António Costa trouxe-me à memória o saudoso tempo em que os meus 20 anos arrastavam, em Angola, o colonialismo pela lama. Agora, Costa arrasta pela lama o PCP e o BE, expondo-lhes a culpa na crise que abalou o País. Mas Costa não pode passear pela arreata os malandrins e dar-se por inocente. Há um património da extrema-esquerda, contra o qual o PS vintage lutara, e que Costa conhecia quando os chamou para a bica curta.



António Costa Angola economia negócios e finanças política
Ver comentários
Hoje nas bancas
Capa do Dia
A primeira página do Correio da Manhã e o acesso ao e-paper Ver todas as
primeiras páginas