Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
8
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Manuel S. Fonseca

Não há machado…

Quando um cenário é plausível e sustentado por indícios concretos, não há machado que corte a liberdade à fala e à escrita.

Manuel S. Fonseca 22 de Setembro de 2022 às 00:30
O Tribunal Europeu dos Direitos do Homem decidiu: a justiça portuguesa esteve certa ao ilibar Gonçalo Amaral da acusação de ofensa à reputação e presunção de inocência, que os McCann lhe moveram. Os juízes europeus, avaliando o caso e os indícios da investigação, privilegiaram a liberdade de expressão, sobrepondo-a ao direito ao bom nome dos McCann.



Tribunal Europeu dos Direitos do Homem Gonçalo Amaral questões sociais crime lei e justiça tribunal
Ver comentários
Hoje nas bancas
Capa do Dia
A primeira página do Correio da Manhã e o acesso ao e-paper Ver todas as
primeiras páginas