Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
2
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Octávio Lopes

O futebol não está para jantaradas

Jogadores têm de cumprir à risca as regras do ‘novo normal’.

Octávio Lopes 19 de Setembro de 2020 às 00:31
O futebol não pode estar dependente de maus profissionais. Daqueles que esquecem que o momento não é para convívios, chás dançantes ou jantaradas. Os jogadores têm de meter rapidamente na cabeça que a Covid-19 não é nenhuma brincadeira. Já lá vai o tempo em que após os jogos iam jantar fora e logo a seguir davam um pezinho de dança numa discoteca a rebentar pelas costuras - pelo menos, enquanto não houver uma vacina para o novo coronavírus. Hoje em dia, os profissionais da bola têm de o ser na verdadeira aceção da palavra: casa, trabalho, casa. E ponto final.

Quem for apanhado a transgredir deve ser severamente punido. Os clubes não devem ser responsabilizados por atitudes irrefletidas que no final da temporada podem ter consequências de milhões de euros. Por isso, têm de avançar com regras apertadas e severas e aplicar pesadas multas aos prevaricadores. Os dirigentes têm igualmente a obrigação de não se desviarem do rumo do ‘novo normal’.

Exclusivos

Assinatura Digital

Acesso sem limites em todos os dispositivos Assinatura válida na APP Correio da Manhã Newsletters exclusivas E-paper antecipado no Quiosque Ofertas e descontos do Clube CM+
Assine já! 1€ no 1º mês
Covid-19 desporto futebol
Ver comentários
Hoje nas bancas
Capa do Dia
A primeira página do Correio da Manhã e o acesso ao e-paper Ver todas as
primeiras páginas
CM+
O Correio da Manhã para quem quer MAIS conteúdos e vantagens
Assine já 1 mês/1€
  • Todo o conteúdo exclusivo sem limites nem restrições.
  • Acesso a qualquer hora no site ou nas apps.
  • Acesso à versão do epaper na noite anterior.
  • Clube CM+ com vantagens e ofertas só para assinantes