Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
3
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

André Veríssimo

A marca de Merkel

Com o acordo, o dinheiro vai mesmo chover sobre países mais necessitados.

André Veríssimo 18 de Dezembro de 2020 às 00:31
A fotografia, tirada na última cimeira de líderes, mostra uma reunião, de pé, entre Angela Merkel, Emmanuel Macron, Charles Michel, líder do Conselho Europeu, Viktor Orbán, presidente da Hungria, e Mateusz Morawiecki, primeiro-ministro da Polónia. Se dúvidas houvesse sobre quem manda na Europa, a imagem é esclarecedora. O diferendo com os dois países de leste foi resolvido pela Alemanha e a França, com Michel a representar todos os outros Estados-membros.

Para Merkel, foi um arremate vitorioso para a presidência alemã da UE, mesmo tendo de ceder a parte das exigências de Orbán, atrasando o mecanismo sobre o cumprimento das regras do Estado de Direito. Como um dia disse Otto von Bismark, conterrâneo da chanceler: “a política é a arte do possível, do atingível”. Com o acordo, o dinheiro vai mesmo chover sobre os países mais necessitados em 2021.

Exclusivos

Assinatura Digital

Acesso sem limites em todos os dispositivos Assinatura válida na APP Correio da Manhã Newsletters exclusivas E-paper antecipado no Quiosque Ofertas e descontos do Clube CM+
Assine já! 1€ no 1º mês
Ver comentários
Hoje nas bancas
Capa do Dia
A primeira página do Correio da Manhã e o acesso ao e-paper Ver todas as
primeiras páginas
CM+
O Correio da Manhã para quem quer MAIS conteúdos e vantagens
Assine já 1 mês/1€
  • Todo o conteúdo exclusivo sem limites nem restrições.
  • Acesso a qualquer hora no site ou nas apps.
  • Acesso à versão do epaper na noite anterior.
  • Clube CM+ com vantagens e ofertas só para assinantes