Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
8

A fuga de Rendeiro

A fuga do ex-banqueiro é uma vergonha para a justiça.
Eduardo Dâmaso(eduardodamaso@sabado.cofina.pt) 30 de Setembro de 2021 às 00:33
Não há outra maneira de ver a fuga do ex-banqueiro João Rendeiro. É uma vergonha para a justiça, em particular para os juízes, e para o próprio sistema político, onde a manipulação do debate garantístico tem criado uma enraizada cultura de impunidade em todo o País.

Foram os juízes que o deixaram fugir mas todos os políticos que diabolizam toda e qualquer discussão em torno, não de uma diminuição de garantias, mas de um processo mais rápido, mais expedido e eficaz, têm também a sua assinatura debaixo deste escândalo.

Qual será o problema de mandar para a prisão uma pessoa que tem uma ‘dupla conforme’, como se diz no jargão dos tribunais, ou seja, que é condenado na primeira e na segunda instância? Qual é o problema de evitar que um processo demore anos a fio, como acontece no caso de Rendeiro, limitando a possibilidade de eternizar recursos em seco, como o são todos os pedidos de aclaração, nestes casos!?

O que adianta, afinal, proclamar que se quer combater o crime económico quando se mantém um sistema de recursos iníquo e uma passividade brutal nos tribunais, onde nada acontece quando uma bomba destas explode no regaço do sistema?! O que alimenta, afinal, o famoso populismo penal, não será esta interessada letargia de todos?
João Rendeiro País crime lei e justiça questões sociais
Ver comentários