Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
1
Ao minuto Atualizado às 19:44 | 18/10

Transportes gratuitos para jovens e redesenhar a rede de ciclovia: As promessas de Carlos Moedas

Novo presidente da Câmara de Lisboa assume que vai ficar com pelouro da transição energética e alterações climáticas.
Correio da Manhã 18 de Outubro de 2021 às 17:23
Carlos Moedas toma posse como CM Lisboa
Carlos Moedas toma posse como CM Lisboa FOTO: Lusa
O social-democrata Carlos Moedas tomou posse como presidente da Câmara Municipal de Lisboa, após três semanas da vitória sem maioria absoluta nas autárquicas de setembro, em que conseguiu derrotar a candidatura do presidente cessante, o socialista Fernando Medina.

Carlos Moedas encabeça a coligação 'Novos Tempos', que incluí PSD, CDS-PP, MPT, PPM e Aliança.
Ao minuto Atualizado a 18 de out de 2021 | 19:44
18:27 | 18/10

Carlos Moedas discursa na tomada de posse como presidente da Câmara de Lisboa

Carlos Moedas, o presidente eleito para a Câmara de Lisboa, começou o discurso da tomada de posse a agradecer aos políticos presentes, nomeadamente, a Rui Rio e Francisco Rodrigues dos Santos, presidentes do PSD e CDS, respetivamente, partidos que o apoiaram na candidatura à autarquia. 

"Neste tempo em que vivemos de distanciamento físico e digital revela-se mais do que nunca recuperar os nosso rituais. É isso que nos reúne hoje, a habital passagem de testemunho", disse Moedas. "Hoje assinalamos um passado que tem de ser honrado e respeitado2, referiu.

Carlos Moedas assinalou que "Lisboa tem de ser uma casa para os que cá nasceram e os que vieram para cá. É uma cidade tradicional e uma cidade global" e acrescentou "não há cidades perfeitas mas há cidades mais felizes do que outras". 

"Não há cidades perfeitas mas há cidades mais felizes do que outras, por isso é que a nossa marca é o envolvimento das pessoas no processo de decisão na cidade. A comunidade tem que estar no meio de tudo", disse o novo presidente da capital.

Carlos Moedas refere que vai tornar Lisboa uma cidade fiscalmente amigável com iniciativas de resposta imediata e propostas de redução de porque uma câmara que queira fortalecer a comunidade, que confie na comunidade tem que libertar recursos", explicou.

O novo presidente da Câmara de Lisboa promete o "lançamento de um plano de acesso à saúde para os lisboetas com mais de 65 anos que não têm médico, um complemento para os mais carenciado".

Carlos Moedas quer que Lisboa seja vista como a "cidade que cuida de quem precisa".

Sobre a habitação, Moedas refere que está consciente que é necessa´rio fazer "mais e melhor nessa matéria. "Temos que ajudar os nossos jovens a comprar a primeira casa", disse. 

Um outro marco do novo presidente é a mobilidade na cidade. Moedas quer  "reduzir tempos, preços e emissões", prometendo numa melhor rede de transportes públicos, tornar o estacionamento mais acessível e redesenhar a rede de ciclovias para aumentar a circulação de bicicletas. 

"Queremos tornar os transportes gratuitos para os mais novos, para induzir hábito de andar de transportes públicos, e para os mais idosos, que tanto precisam", refere. 

Carlos Moedas diz que vai assumir pessoalmente o pelouro da transição energética e alterações climáticas assumindo que esta é uma das maiores preocupações que tem como presidente da capital portuguesa. 

Fernando Medina Carlos Moedas política autoridades locais Câmara de Lisboa presidente
Ver comentários