Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
3

Catarina Martins avisa que "plano B" do PS será "bloco central, formal ou informal"

Coordenadora do Bloco de Esquerda discursou no encerramento do encontro nacional do partido.
Lusa 27 de Novembro de 2021 às 18:14
Catarina Martins
Catarina Martins FOTO: Lusa
A coordenadora do BE avisou este sábado que o "plano B" do PS, caso não consiga maioria absoluta nas legislativas, será um "bloco central, formal ou informal", defendendo que o reforço da esquerda travará "a derrapagem para o pântano político".

No encerramento do encontro nacional do BE, que aprovou na generalidade o programa eleitoral com o qual o partido se apresenta às eleições legislativas de 30 de janeiro, a líder bloquista, Catarina Martins, defendeu que "a chave para desbloquear Portugal reside na força da esquerda".

"Se a maioria absoluta é o plano A do PS, o seu plano B parece ser um bloco central, formal ou informal. Essa deriva indica que, para se manter no poder e continuar a bloquear as respostas necessárias ao SNS ou à estagnação salarial, António Costa estará disponível a sentar-se à mesa com Rui Rio ou Paulo Rangel para entendimentos cujo significado na vida das pessoas depois de janeiro se conhecerá", argumentou.

Catarina Martins B PS BE A política partidos e movimentos eleições
Ver comentários