Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
6

Conselho Nacional do CDS-PP reúne-se hoje para marcar Congresso do partido

Reunião Magna deverá realizar-se nos dias 27 e 28 de novembro.
Lusa 10 de Outubro de 2021 às 07:31
Filipe Lobo d’Ávila e o líder do CDS-PP, Francisco Rodrigues dos Santos
Filipe Lobo d’Ávila e o líder do CDS-PP, Francisco Rodrigues dos Santos
O Conselho Nacional do CDS-PP vai reunir-se este domingo, por videoconferência, para marcar o 29.º Congresso do partido, que será antecipado e deverá realizar-se nos dias 27 e 28 de novembro.

Esta reunião do órgão máximo do partido entre congressos está prevista começar pelas 09h00.

Da ordem de trabalhos consta a convocatória do próximo congresso ordinário do CDS-PP e a apresentação, discussão e votação do regulamento de eleição de delegados, do regulamento do congresso, além da eleição da Comissão Organizadora do Congresso.

As reuniões magnas centristas decorrem de dois em dois anos e se esta acontecesse na data prevista seria no final de janeiro ou início de fevereiro de 2022.

Na quinta-feira, um grupo de 25 conselheiros, entre os quais Pedro Mota Soares, João Gonçalves Pereira e Nuno Magalhães, endereçaram uma carta ao presidente do Conselho Nacional, Filipe Anacoreta Correia, na qual questionavam "os termos da convocatória" para a reunião deste domingo e a urgência, acusando a direção de "atropelo de todas as regras e procedimentos" e "falta de democracia interna".

Num comunicado conhecido no mesmo dia, o presidente do Conselho Nacional considerou "totalmente infundadas" estas alegações e justificou que a reunião foi convocada "com caráter de urgência face à decisão de organizar antecipadamente o 29.º Congresso, de acordo com os prazos e as regras previstas nos regulamentos do partido".

Já na sexta-feira, numa resposta endereçada a Filipe Anacoreta Correia, os mesmos 25 conselheiros acusaram a liderança de querer "cercear direitos" e antecipar a reunião magna por "servir" à direção.

Nessa missiva, estes críticos argumentavam que a antecipação não permite "a existência de um debate pleno, livre, incondicional e esclarecedor junto de militantes e estruturas locais, relativamente aos projetos de candidatos que a seu tempo pretendam disputar a presidência", defendendo que o congresso poderia realizar-se em janeiro de 2022.

O Conselho Nacional do CDS-PP realiza-se um dia depois da apresentação da candidatura do eurodeputado Nuno Melo à liderança do partido. O atual líder, Francisco Rodrigues dos Santos, também já anunciou que se candidatará.

Nacional Conselho Nacional do CDS-PP Filipe Anacoreta Correia política partidos e movimentos
Ver comentários