Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
9

Costa promete "lição exemplar" à Galp depois de "disparate" em Matosinhos

Primeiro-ministro considerou que "era difícil imaginar tanto disparate" no encerramento da refinaria.
Lusa 19 de Setembro de 2021 às 21:33
Primeiro-ministro António Costa
Primeiro-ministro António Costa FOTO: Duarte Roriz
O secretário-geral do PS, António Costa, considerou, este domingo, que "era difícil imaginar tanto disparate, tanta asneira, tanta insensibilidade" como a Galp demonstrou no encerramento da refinaria de Matosinhos, prometendo uma "lição exemplar" à empresa.

Falando em Matosinhos, num comício de apoio à presidente do município e candidata a um novo mandato, Luísa Salgueiro, António Costa deixou críticas ao encerramento da refinaria no concelho, no distrito do Porto, na sequência da decisão da Galp de concentrar as operações em Sines.

"Era difícil imaginar tanto disparate, tanta asneira, tanta insensibilidade, tanta irresponsabilidade, tanta falta de solidariedade como aquela que a Galp deu provas aqui em Matosinhos", apontou.

António Costa Galp Matosinhos política partidos e movimentos autoridades locais
Ver comentários