Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
7

Linha do Douro até Barca d'Alva é um objetivo para concretizar

Pedro Nuno Santos falava na Covilhã, à margem da cerimónia que assinalou a reabertura do troço Guarda-Covilhã na Linha da Beira Baixa.
Lusa 4 de Maio de 2021 às 19:34
Pedro Nuno Santos
Pedro Nuno Santos
O ministro das Infraestruturas e Habitação, Pedro Nuno Santos, garantiu esta terça-feira que a reabertura da Linha Douro entre Pocinho e Barca d' Alva é um objetivo para concretizar, para a qual terá de ser encontrado financiamento.

"O [troço] Pocinho - Barca d'Alva não está em nenhum programa neste momento, mas nós achamos que, no quadro da elaboração do Plano Ferroviário Nacional, com certeza que essa extensão vai constar e nós, agora, temos de arranjar financiamento", afirmou.

Pedro Nuno Santos falava na Covilhã, distrito de Castelo Branco, à margem da cerimónia que assinalou a reabertura do troço Guarda-Covilhã na Linha da Beira Baixa e durante a qual o presidente da CP, Nuno Freitas, lançou o desafio público para que aquele lanço da Linha do Douro seja reativado.

Barca Douro Guarda-Covilhã na Linha Pedro Nuno Santos Pocinho questões sociais economia negócios e finanças
Ver comentários