Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
4

Marcelo Rebelo de Sousa operado ao início da tarde a hérnia inguinal

Presidente da República foi operado de urgência a uma hérnia umbilical, a 28 de dezembro de 2018, no Hospital Curry Cabral, em Lisboa.
Rui Pedro Vieira 15 de Dezembro de 2021 às 08:25
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa FOTO: CMTV
Já estava programada e é a terceira intervenção cirúrgica a que o Presidente da República se submete nos últimos três anos: Marcelo Rebelo de Sousa confirmou esta terça-feira que é operado, “ao começo da tarde” desta quarta-feira, a uma hérnia inguinal de oito centímetros, no Hospital das Forças Armadas, em Lisboa.

A recuperação vai durar entre oito e dez dias e, por isso, em Belém, as festas de Natal vão ser reduzidas ao mínimo. O próprio já tinha explicado que esta é “uma intervenção por laparoscopia, muito rápida e simples”. A hérnia inguinal é uma protuberância na região da virilha, que geralmente se deve a uma parte do intestino que sai através de um ponto fraco dos músculos abdominais. A decisão de avançar para a cirurgia é por prevenção e não implicará substituição de funções.

O Presidente da República foi operado de urgência a uma hérnia umbilical, a 28 de dezembro de 2018, no Hospital Curry Cabral, em Lisboa. Na altura, cancelou toda a agenda e abrandou o ritmo nas semanas seguintes. Já no dia 30 de outubro de 2019, foi submetido a um cateterismo cardíaco programado, no Hospital de Santa Cruz, em Oeiras.
Ver comentários