Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
4

Marcelo valoriza os escuteiros no Acampamento Nacional

Presidente definiu o CNE como “uma escola de valores ao serviço da comunidade”.
Alexandre Salgueiro 2 de Agosto de 2022 às 09:16
A carregar o vídeo ...
Marcelo valoriza os escuteiros no Acampamento Nacional
Num dia em que as temperaturas atingiram os 40 graus em Idanha-a-Nova, Marcelo Rebelo de Sousa levou um autêntico banho de multidão na visita ao Acampamento Nacional de Escuteiros (ACANAC). "Noto uma grande evolução em relação há cinco anos. Houve uma preparação muito sofisticada que mostra que se aprendeu muito com a última edição", afirmou o Presidente da República, que defende o Corpo Nacional de Escutas (CNE) como "uma escola de valores ao serviço da comunidade".

Sob o mote ‘construtores do amanhã’ a 24ª edição do ACANAC tem a participação de mais de 18 500 escuteiros e marca o arranque das comemorações do centenário do CNE, que se celebra no próximo ano.

Nos 79 hectares do Centro de Atividades Escutistas, em Idanha-a-Nova, estão instalados dois supermercados, dois refeitórios para 60 mil refeições, seis bares, um campo náutico, um campo aventura e uma arena de espetáculos para 22 mil pessoas. Nesta "cidade de lona" que a cada cinco anos se ergue na encosta do monte Trigo, foi ainda montado um hospital, quatro enfermarias e várias estruturas de apoio.

Para além dos escuteiros de todas as regiões do País, o maior acampamento de sempre em Portugal vai receber jovens de outras 24 nacionalidades, incluindo 50 ucranianos.
Ver comentários