Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
8

"Não é de medidas incoerentes que o país precisa", defende Jerónimo de Sousa

Circulação de e para a Área Metropolitana de Lisboa ao fim-de-semana está proibida.
Lusa 17 de Junho de 2021 às 23:31
Jerónimo de Sousa
Jerónimo de Sousa FOTO: Direitos Reservados
O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, criticou esta quinta-feira as medidas sanitárias anunciadas pelo Governo para a Área Metropolitana de Lisboa para conter a pandemia, defendendo que "não é de medidas incoerentes que o país precisa".

"O Governo insiste em fazer das restrições e de confinamentos a sua resposta aos problemas da epidemia. Não é de medidas incoerentes que o país precisa", disse Jerónimo de Sousa no início da sua intervenção num seminário do PCP, em Lisboa, sobre os impactos das políticas da União Europeia.

O Conselho de Ministros anunciou esta quinta-feira que, para conter o aumento de incidência de covid-19, fica proibida a circulação de e para a Área Metropolitana de Lisboa ao fim-de-semana, entre as 15h00 de dia 18 de junho e as 06h00 de 21 de junho.

Jerónimo de Sousa PCP Governo Área Metropolitana de Lisboa política partidos e movimentos
Ver comentários