Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
2

Partidos entregaram mais de 1.300 propostas de alteração

O PCP é o partido que apresentou o maior número de propostas este ano.
Lusa 13 de Maio de 2022 às 19:42
Parlamento
Parlamento FOTO: Lusa
Os partidos com assento parlamentar entregaram até esta sexta-feira, data em que termina o prazo, mais de 1.300 propostas de alteração à proposta de lei do Orçamento do Estado para 2022 (OE2022), abaixo do recorde registado no orçamento anterior.

De acordo com a página da Assembleia da República na internet, até às 19:00 desta sexta-feira foram entregues no total 1.373 propostas de alteração, aquém das mais de 1.500 propostas entregues no âmbito do Orçamento do Estado para 2021.

O PCP é o partido que apresentou o maior número de propostas este ano: 339 propostas de alteração.

Segue-se o Chega, que entregou 284 propostas de alteração, e o PAN, com 224 propostas apresentadas.

Segundo a página do parlamento, o maior partido da oposição, o PSD, entregou 148 propostas de alteração, enquanto o ex-parceiro da 'geringonça' Bloco de Esquerda apresentou 132 propostas.

Deram ainda entrada nos serviços do parlamento 123 propostas da Iniciativa Liberal e 81 propostas do Livre.

Por sua vez, o PS entregou 49 propostas de alteração à proposta orçamental.

A proposta de OE2022 foi aprovada na generalidade, em 29 de abril, na Assembleia da República, apenas com os votos a favor do PS e abstenções dos deputados únicos do PAN e do Livre.

O diploma foi aprovado pelos 120 deputados do PS, que tem maioria absoluta dos 230 lugares no parlamento, e teve as abstenções dos deputados únicos do PAN, Inês Sousa Real, e do Livre, Rui Tavares.

A discussão do documento na especialidade em plenário arranca em 23 de maio, estendendo-se por toda a semana -- com debate de manhã e votações à tarde, como habitualmente.

A votação final global do documento terá lugar em 27 de maio.

OE2022 Assembleia da República política partidos governo (sistema)
Ver comentários
}