Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
7

Rio defende que da extrema-direita à extrema-esquerda ninguém é contra aumento do salário mínimo

Presidente do PSD acusou o secretário-geral do PS de mentir atribuindo-lhe posições que não tem.
Lusa 25 de Janeiro de 2022 às 19:21
Rui Rio em campanha
Rui Rio em campanha FOTO: Tiago Petinga / Lusa
O presidente do PSD, Rui Rio, defendeu esta terça-feira que da extrema-direita à extrema-esquerda ninguém é contra o aumento do salário mínimo nacional (SMN), e acusou o secretário-geral do PS de mentir atribuindo-lhe posições que não tem.

Durante uma sessão temática sobre saúde, em Faro, Rui Rio questionou: "Mas há alguém, e agora vou englobar mesmo todos, da extrema-direita à extrema-esquerda, há alguém que ache que o salário mínimo é muito e que não deve subir, que chega para viver? Há alguém?".

Logo de seguida, o presidente do PSD deu a resposta: "Eu acho que é mesmo da extrema-direita à extrema-esquerda, não há nenhum português que ache isso".

SMN Rui Rio trabalho política partidos e movimentos legislativas eleições
Ver comentários