Barra Cofina

Correio da Manhã

Política
1

Rui Moreira admite parceiro na Câmara do Porto

Maioria absoluta foge ao independente que perdeu 10 mil votos.
Manuel Jorge Bento 28 de Setembro de 2021 às 08:34
A carregar o vídeo ...
Rui Moreira admite parceiro na Câmara do Porto
O último mandato de Rui Moreira na presidência da Câmara do Porto foi alcançado com duas derrotas: a perda de 10 mil votos e da maioria absoluta. Com seis dos 13 lugares no executivo, o autarca não descarta a negociação com um dos partidos. "Temos de avaliar se vale a pena tentarmos governar sozinhos ou se haverá condições para chegar a um acordo com alguma das forças políticas", afirmou ao CM.

A maioria absoluta foi retirada a Moreira com a subida do Bloco de Esquerda, que elegeu um vereador [Sérgio Aires] pela primeira vez. O PS garantiu o segundo lugar, mas perde um vereador (fica com três) e mais de 10 pontos percentuais face às autárquicas de 2017. O PSD ‘sacou’ o lugar perdido pelos socialistas e fica com dois mandatos na câmara. Ilda Figueiredo (CDU) garantiu a continuidade.

A equipa executiva de Rui Moreira e do ‘vice’ Filipe Araújo contará com os já vereadores Catarina Araújo, Ricardo Valente, Pedro Baganha e Cristina Pimentel. Fernando Paulo (Habitação) não foi eleito.

Perde Paranhos e Campanhã "é do PS"
O movimento de Rui Moreira venceu cinco das sete freguesias do Porto, mas o PSD ficou a 252 votos de conquistar o Bonfim. Em Campanhã ganhou o PS, com apoio de Moreira. "Há quem queira aparecer nessa fotografia, mas é uma vitória do PS", disse Tiago Barbosa Ribeiro.
Rui Moreira Campanhã PS Câmara do Porto PSD Porto política autoridades locais
Ver comentários