Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Reinado de D. Fernando marca Viagem Medieval em Santa Maria da Feira

Visitantes mais novos poderão “transformar-se” em cavaleiros ou em princesas.
Patrícia Lima Leitão 31 de Julho de 2019 às 08:10
Viagem Medieval tem espetáculos de grande formato e cortejos temáticos que são “aulas vivas” de história
Viagem Medieval tem espetáculos de grande formato e cortejos temáticos que são “aulas vivas” de história FOTO: Direitos Reservados
Começa esta quarta-feira e até 11 de agosto, os ponteiros dos relógios de Santa Maria da Feira vão andar para trás no tempo até chegar ao século XIV, mais em específico ao reinado de D. Fernando, ‘O Belo Inconstante’.

Reconhecida como uma das maiores recriações históricas da Europa, este ano a Viagem Medieval da Feira volta a reviver episódios e figuras que se imortalizaram e ficaram para a história do País.

A organização aponta para um total de 1600 performances, seis praças de animação, 22 áreas temáticas interativas e expositivas, espetáculos de grande formato a partir das 18h00, e cortejos temáticos que "proporcionarão experiências únicas e verdadeiras aulas vivas deste episódio da História de Portugal".

1367 é o ano em que el-rei D. Fernando, intitulado rei de Portugal e do Algarve, sobe ao trono. Assumiu, depois, a construção de muralhas e de grandes edifícios, promulgou a Lei das Sesmarias e fundou a Companhia das Naus. A cidade vai ser palco não só destes como de muitos outros momentos que envolveram o monarca e a rainha D. Leonor Teles, a "mal-amada" pelo povo.

A programação não deixa os mais novos de fora e as atividades ‘Cavaleiro Por Um Dia’ e ‘Princesa Por Um Dia’ são exemplos disso mesmo. Pelas ruas do recinto, serão também realizados treinos de escudeiros e praticado tiro com arco.

O espaço volta este ano a ser maior, com a criação de uma nova entrada no recinto, na rua do Carvalhal, passando assim a ser oito as possíveis entradas na recriação histórica. A pulseira de acesso geral ainda pode ser adquirida pelo valor de 8 euros.

As crianças não pagam.
D. Fernando Viagem Medieval Santa Maria da Feira O Belo Inconstante
Ver comentários