Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Viagem Medieval vai ter mais espaço em 2020

Recinto que recebeu 1700 performances será ainda mais alargado na próxima edição.
Patrícia Lima Leitão 13 de Agosto de 2019 às 09:13
Recriação histórica vai reviver Batalha de Aljubarrota
Recriação histórica vai reviver Batalha de Aljubarrota FOTO: Direitos Reservados
A Viagem Medieval de Santa Maria da Feira recebeu 700 mil visitantes na edição deste ano, que terminou esta segunda-feira de madrugada, igualando assim os números de 2018.

A organização tinha a expectativa de os superar, mas "dois dias de chuva persistente" obrigaram a "cancelar espetáculos por falta de condições", prejudicando a afluência de quarta e quinta-feira. Para o próximo ano, a designada "maior recriação histórica da Europa" vai reviver os momentos que envolveram a Batalha de Aljubarrota.

Ao longo de 12 dias, mais de 2000 pessoas e 400 voluntários asseguraram 1700 performances de animação com um orçamento global e autossustentável de 1,5 milhões de euros. Apesar dos números totais terem sido igualados aos do ano passado, Sérgio Pais diretor-geral do evento fala em "novos recordes.

"Este sábado tivemos a maior afluência de sempre em 23 edições da Viagem, ao receber 70 000 visitantes no recinto e no domingo também ficámos muito perto disso", disse.

O recinto, cujo alargamento já foi concretizado nesta edição, será ainda maior no próximo ano.

"O parque junto ao rio Cáster e à Mata das Guimbras - que acolhe dezenas de tabernas e áreas temáticas, acomodando mais de 3000 espectadores em cada encenação de três espetáculos de grande formato - continuará a ser gradualmente prolongado até à Escola EB 23 Fernando Pessoa", revelou ainda Sérgio Pais.

A oferta de pulseiras livre-trânsito a estudantes do concelho também será alargada a alunos até ao 12º ano.
Viagem Medieval de Santa Maria da Feira Sérgio Pais artes cultura e entretenimento entretenimento (geral)
Ver comentários