Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Contratos polémicos: Gestor suspeito na mina da Argemela

Serra da Argemela abrange os concelhos da Covilhã e do Fundão.
Cláudia Rosenbusch 26 de Novembro de 2021 às 09:58
Serra da Argemela abrange os concelhos da Covilhã e do Fundão.
Serra da Argemela abrange os concelhos da Covilhã e do Fundão. FOTO: CMTV
A empresa que recebeu a concessão da exploração de lítio na mina da Argemela, nos concelhos da Covilhã e Fundão, tem entre os sócios o empresário Carlos Martins (Martifer) investigado no chamado processo do hidrogénio, em que também é visado o secretário de Estado adjunto e da Energia, João Galamba, precisamente o responsável pela pasta das minas.

O processo-crime foi noticiado pela ‘Sábado’, há um ano, e dava conta de suspeitas de corrupção e tráfico de influências relacionadas com o Plano Nacional do Hidrogénio. A documentação a que o CM teve acesso mostra que o empresário é um dos proprietários e gerentes da PANN - Consultores de Geociências Lda., que vai explorar a Argemela. Ao CM João Galamba rejeitou qualquer favorecimento ao empresário, alegando que o contrato de pesquisa mineira foi atribuído em 2012, no governo de Passos Coelho, e que o atual executivo “se limitou a cumprir o contrato assinado”.

Um dia depois do chumbo do Orçamento do Estado na Assembleia da República, a Direção-Geral de Energia e Geologia celebrou 14 contratos de pesquisa e de exploração mineiras (cinco são adendas), antes mesmo das avaliações de impacte ambiental. A decisão é contestada pelos moradores das áreas concessionadas que falam em prejuízos para o ambiente e para a economia locais.

Ver comentários