Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Dez anos de prisão para mãe que atirou filho a poço provocando-lhe a morte

Crime aconteceu em Mirandela. Filho da homicida era autista.
Francisco Manuel 21 de Outubro de 2021 às 16:09
A carregar o vídeo ...
Dez anos de prisão para mãe que atirou filho a poço provocando-lhe a morte
A mulher que atirou o filho autista para um poço provocando-lhe a morte, em Mirandela, foi condenada a 10 anos de prisão efetiva.

Fátima Martinho, de 53 anos, já cumpriu mais de ano de prisão preventiva, que lhe será descontado na pena. 

No Tribunal de Mirandela, o juiz considerou que o próprio Estado falhou no acompanhamento a esta mãe. 

Fátima Martinho incorria numa pena de até 25 anos de prisão e foi esta quinta-feira condenada a 10. O crime foi desqualificado e o Tribunal entendeu que existiram atenuantes.




Mirandela questões sociais morte poço autista crime
Ver comentários