Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Erro provoca situação “degradante” com alimentação dos polícias na Cimeira Social do Porto

Revolta sobre a alimentação fornecida aos efetivos foi grande. Denúncia chegou através do Sindicato dos Profissionais de Polícia.
Miguel Curado 7 de Maio de 2021 às 18:19
Alimentação dos polícias na Cimeira Social do Porto
Alimentação dos polícias na Cimeira Social do Porto
Alimentação dos polícias na Cimeira Social do Porto
Alimentação dos polícias na Cimeira Social do Porto
Alimentação dos polícias na Cimeira Social do Porto
Alimentação dos polícias na Cimeira Social do Porto
Alimentação dos polícias na Cimeira Social do Porto
Alimentação dos polícias na Cimeira Social do Porto
Alimentação dos polícias na Cimeira Social do Porto
Alimentação dos polícias na Cimeira Social do Porto
Alimentação dos polícias na Cimeira Social do Porto
Alimentação dos polícias na Cimeira Social do Porto
As centenas de agentes da Polícia de Segurança Pública destacados para a segurança da Cimeira Social, realizada esta sexta-feira, no Porto, receberam sandes, sumos, uma pequena caixa com bolos, e uma embalagem com batatas assadas, como alimentação para as refeições de almoço e jantar.

Muito do efetivo designado pela PSP para este encontro, considerado fulcral para a atual presidência portuguesa da União Europeia, vem de outros comandos do país. A revolta sobre a alimentação fornecida aos efetivos foi grande e a denúncia chegou ao CM através do Sindicato dos Profissionais de Polícia (SPP).

"Consideramos degradante que os agentes recebam estes alimentos para um dia inteiro de trabalho. Muitos estão fora do seu local de trabalho e de residência e não têm alternativas", disse Mário Andrade, presidente do SPP.

Ao CM, fonte oficial da Direção-Nacional da PSP admitiu que este "foi um erro, já que não foi nada disto que ficou combinado com a estrutura de missão que organiza a cimeira social".

"Já sinalizámos o nosso desagrado por esta situação, e o Diretor-Nacional ordenou que os agentes recebessem em dinheiro o valor do almoço desta sexta-feira (consumido da comida entregue pela estrutura de missão), e que daqui até domingo, quando termina a cimeira, recebam as refeições que tinham ficado combinadas", explicou a fonte contactada.
Porto Polícia de Segurança Pública PSP política questões sociais cimeira alimentação erro bens de consumo
Ver comentários