Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Falso funcionário bancário acusado de acesso ilegítimo, burla e falsidade informática

Anúncio foi feito pela Procuradoria da República da Comarca de Leiria.
Lusa 28 de Janeiro de 2022 às 10:59
Justiça
Justiça FOTO: Getty Images
Um homem de 23 anos que se fez passar por funcionário de um banco foi acusado dos crimes de acesso ilegítimo, burla informática e falsidade informática, anunciou a Procuradoria da República da Comarca de Leiria.

Segundo a Procuradoria, os factos remontam ao dia 29 de fevereiro de 2020, data em que o arguido telefonou à vítima, fazendo-se passar por funcionário de um banco.

"De acordo com a acusação, alegando que desconhecidos tinham tentado aceder à conta bancária da vítima, com o cartão multibanco de que era titular, perguntou-lhe se o queria cancelar e requerer um novo, para evitar problemas", lê-se no sítio na Internet da Procuradoria.

Procuradoria da República da Comarca de Leiria ciência e tecnologia bancário banco burla
Ver comentários