Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

"Fico até que o mar devolva o corpo dele"

Pais de Daniel Pereira e namorada de Ricardo Costa acompanharam ontem as buscas.
Paulo Jorge Duarte 14 de Junho de 2017 às 09:27
Daniel Pereira, 19 anos
Ricardo Costa da mesma idade
Mariana Carvalho, namorada de   Ricardo Costa, esteve ontem no areal
Pais de Daniel ontem junto ao mar da Costa Verde
Daniel Pereira, 19 anos
Ricardo Costa da mesma idade
Mariana Carvalho, namorada de   Ricardo Costa, esteve ontem no areal
Pais de Daniel ontem junto ao mar da Costa Verde
Daniel Pereira, 19 anos
Ricardo Costa da mesma idade
Mariana Carvalho, namorada de   Ricardo Costa, esteve ontem no areal
Pais de Daniel ontem junto ao mar da Costa Verde
"Só queremos que o corpo do nosso filho seja encontrado e nos seja entregue para podermos fazer o luto." Os pais de Daniel Pereira eram ontem o rosto do sofrimento, na praia da Costa Verde, em Espinho - onde o seu filho e Ricardo Costa foram engolidos pelo mar no domingo à tarde.

"Eles eram amigos desde a escola primária e até viviam no mesmo prédio. Ninguém está preparado para uma tragédia destas", diziam de olhos postos no mar onde decorriam as buscas pelos dois jovens - que ontem se revelaram, de novo, infrutíferas.

Também a namorada de Ricardo Costa estava inconsolável. "O meu mundo parou no domingo. Já não sei o que fazer. Vou ficar aqui até que o mar devolva o corpo dele", garantiu Mariana Carvalho, que integra os Bombeiros de Valadares e já tinha até ponderado a transferência para a corporação de Espinho, para estar mais próxima do companheiro.

Durante o dia de ontem não foi detetado qualquer sinal dos dois jovens de 19 anos. "Não houve sucesso nas buscas realizadas com os meios que entendemos serem adequados. Vamos proceder à avaliação do que foi feito ao longo de todas estas horas para traçar o que poderemos fazer", disse o comandante Rodrigues Campos, capitão do Porto do Douro.

Garantiu ainda que as buscas vão ser retomadas hoje. "A corrente é no sentido sul e é para sul que vamos insistir nas operações, nos próximos dias", referiu.

Os jovens desapareceram no mar quando foram buscar a bola com que jogavam futebol.
Ver comentários