Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Funcionário das Finanças lesa 300 contribuintes com IUC

Chefe da secção de cobranças conseguiu arrecadar 7470 euros.
Nelson Rodrigues 17 de Fevereiro de 2021 às 08:21
Arguido vai ser julgado por burla
Arguido vai ser julgado por burla FOTO: direitos rservados
Um chefe da secção de cobranças da Autoridade Tributária das Finanças de Anadia foi acusado de falsidade informática agravada, burla qualificada e falsificação de documento por ter cobrado indevidamente coimas pelo falso atraso no pagamento do Imposto Único de Circulação (IUC) e de Selo.

Atuou durante três anos e lesou mais de 300 contribuintes. Sacou 7470 euros. Para simular perante as vítimas o recebimento do valor, entregava um documento de cobrança com uma rubrica ilegível e um carimbo em desuso. 
Ver comentários