Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

GNR trava duas festas ilegais com 700 pessoas em Setúbal

Uma das festas realizava-se numa garagem.
Correio da Manhã 6 de Setembro de 2021 às 16:58
GNR
GNR FOTO: Sérgio Lemos
A GNR de Setúbal travou este fim de semana duas festas ilegais com mais de 700 pessoas, em Palmela e Almada, que desrespeitavam as medidas impostas no âmbito do combate à pandemia.

A primeira festa, na madrugada de dia 5, aconteceu em Vale de Touros, Palmela. Os militares foram alertados para a festa em causa e deslocaram-se ao local constatando a presença de 600 pessoas. 

O promotor da festa foi identificado e as pessoas dispersaram. As medidas em incumprimento era a presença de uma pista de dança em funcionamento, a falta do uso de máscaras e falta de cumprimento do distanciamento. Também não havia licença especial de ruído.

A segunda festa travada pelos militares ocorreu na noite do mesmo dia no Monte da Caparica, em Almada. Esta realizava-se no interior de uma garagem onde se encontravam 100 pessoas em pleno desrespeito das medidas vigentes no âmbito da pandemia.

Foram elaborados os respetivos autos de contraordenação e a festa encerrada. Foi ainda detetada e apreendida uma pistola de alarme modificada, de calibre 6,35mm, abandonada no local, com uma munição, bem como duas facas.
GNR Setúbal Palmela Almada
Ver comentários