Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Ignições de madrugada apontam para fogo posto

Os três maiores incêndios de ontem eclodiram quando havia menos calor e mais humidade relativa.
Isabel Jordão e Mário Freire 8 de Outubro de 2017 às 01:30
Fogo em Pampilhosa da Serra
Fogo em Pampilhosa da Serra
Fogo em Pampilhosa da Serra
Fogo em Pampilhosa da Serra
Fogo em Pampilhosa da Serra
Fogo em Pampilhosa da Serra
Fogo em Pampilhosa da Serra
Fogo em Pampilhosa da Serra
Fogo em Pampilhosa da Serra
Incêndio em Arganil
Incêndio em Arganil
Incêndio em Arganil
Incêndio em Arganil
Incêndio em Arganil
Incêndio de Gondomar e Valongo visto do Estádio do Dragão
Incêndio de Gondomar e Valongo visto do Estádio do Dragão
Fogo em Pampilhosa da Serra
Fogo em Pampilhosa da Serra
Fogo em Pampilhosa da Serra
Fogo em Pampilhosa da Serra
Fogo em Pampilhosa da Serra
Fogo em Pampilhosa da Serra
Fogo em Pampilhosa da Serra
Fogo em Pampilhosa da Serra
Fogo em Pampilhosa da Serra
Incêndio em Arganil
Incêndio em Arganil
Incêndio em Arganil
Incêndio em Arganil
Incêndio em Arganil
Incêndio de Gondomar e Valongo visto do Estádio do Dragão
Incêndio de Gondomar e Valongo visto do Estádio do Dragão
Fogo em Pampilhosa da Serra
Fogo em Pampilhosa da Serra
Fogo em Pampilhosa da Serra
Fogo em Pampilhosa da Serra
Fogo em Pampilhosa da Serra
Fogo em Pampilhosa da Serra
Fogo em Pampilhosa da Serra
Fogo em Pampilhosa da Serra
Fogo em Pampilhosa da Serra
Incêndio em Arganil
Incêndio em Arganil
Incêndio em Arganil
Incêndio em Arganil
Incêndio em Arganil
Incêndio de Gondomar e Valongo visto do Estádio do Dragão
Incêndio de Gondomar e Valongo visto do Estádio do Dragão
Os três incêndios de maior dimensão que ontem devastaram áreas florestais em Pampilhosa da Serra, Ribeira de Pena e no distrito do Porto eclodiram de noite e madrugada, quando as temperaturas desceram e a humidade subiu, o que levanta suspeitas de mão criminosa. "É a vontade de fazer arder que continua a imperar e a criar esta instabilidade no País e nas pessoas. De forma nenhuma, isto é perdoável", disse Jorge Gomes, secretário de Estado da Administração Interna.

O incêndio de Pampilhosa da Serra deflagrou às 23h21 e, de manhã, alastrou a Arganil, levando a evacuar as aldeias de Teixeira, Porto Castanheiro, Relvas e Ribeiro, onde vivem 40 pessoas, sobretudo idosos. O fogo, com seis frentes ativas, foi combatido por quase 500 operacionais, apoiados por 150 veículos e cinco meios aéreos.

Em Ribeira de Pena, Vila Real, o incêndio começou em Alvadia, à 01h30, e progrediu em duas frentes. Já em Amarante, o alerta também surgiu de madrugada, às 04h05, em Várzea.

Ainda no distrito do Porto, o fogo que teve início às 11h06 em Valongo alastrou a Gondomar e pôs em risco casas e a zona industrial de Mimosas. Um bombeiro de S. Pedro da Cova foi assistido por inalação de fumo. Um outro incêndio que provocou grande preocupação começou às 11h59 e avançou em duas frentes, devastando a zona de Penha Longa, em Marco de Canaveses. A população ficou em sobressalto. "Custou-me tanto construir a minha casa e está tudo a arder. Há 4 anos que peço para os terrenos aqui ao lado serem limpos e nada. Acha justo?", questionou o dono de uma propriedade que ardia, ao final da tarde, sem ajuda de bombeiros - que combatiam as chamas noutros locais.

Previsões sem indicação de chuva até ao dia 16  
As previsões apontam para condições atmosféricas que colocam todo o território do continente em risco de incêndio. Não há indicação de ocorrência de precipitação pelo menos até dia 16, de acordo com os dados do Instituto Português do Mar e da Atmosfera. Ao tempo seco estão associadas temperaturas elevadas pouco habituais. O calor resulta da deslocação de uma massa de ar quente do interior da Península Ibérica. Está prevista uma descida gradual das temperaturas mínimas para valores próximos dos habituais no outono. Em Bragança há a indicação de sete graus de mínima para a próxima madrugada. Também em Braga, Aveiro e Leiria há a possibilidade de mínimas na ordem dos 9 graus. O calor intenso verifica-se à tarde e sobretudo no Sul. Pela manhã, no litoral a norte do cabo Raso, há a indicação de céu temporariamente muito nublado e com neblina ou nevoeiro.
Ver comentários