Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Incendiário em domiciliária

Vai aguardar julgamento em prisão domiciliária o jovem de 26 anos detido, anteontem, pela GNR de Joane, em Famalicão, após ter ateado fogo a um pinhal. O arguido foi interceptado por um popular que o manteve manietado até à chegada dos militares.

26 de Abril de 2009 às 00:52
Jovem confessou ter assaltado vários carros junto ao posto da GNR
Jovem confessou ter assaltado vários carros junto ao posto da GNR FOTO: José Rebelo

Antes de incendiar o pinhal em Mogege, o jovem, residente em Pedome e com antecedentes criminais por roubo, tinha furtado um telemóvel, um iPod e um anel em ouro de uma casa, na mesma freguesia.

Aos militares confessou ter furtado o interior de diversos veículos, no início deste mês, estacionados perto do quartel da GNR de Joane.

Ver comentários
}