Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9
Siga o CM no WhatsApp e acompanhe as principais notícias da atualidade Seguir
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já

Médico suspenso por abusar sexualmente de doente acamada continua a exercer no privado

Administração do Hospital de Ponta Delgada não quer comentar o caso de abuso do Diretor do Serviço de Neurologia.
Miguel Curado e Miguel Balança 27 de Setembro de 2022 às 01:30
Exclusivos
Responsável clínico do Hospital de Ponta Delgada está suspenso de funções há dois meses, após denúncia de uma mulher acamada
Responsável clínico do Hospital de Ponta Delgada está suspenso de funções há dois meses, após denúncia de uma mulher acamada
O diretor do Serviço de Neurologia do Hospital do Divino Espírito Santo (HDES), em Ponta Delgada, Açores, está suspenso de funções há cerca de dois meses, por suspeitas da prática de abusos sexuais a uma doente acamada naquela unidade hospitalar. O médico, no entanto, continua a exercer no privado.





HDES Ponta Delgada Açores Hospital do Divino Espírito Santo Ordem dos Médicos saúde hospitais
Ver comentários
Hoje nas bancas
Capa do Dia
A primeira página do Correio da Manhã e o acesso ao e-paper Ver todas as
primeiras páginas
C-Studio