Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Mulher arrastada por fio de ouro

"Perguntaram à minha mãe onde era o Hospital de Matosinhos e, enquanto ela explicava, a mulher agarrou-lhe no cordão de ouro e o carro arrancou", contou ao CM Vítor, filho de Ana Sousa, que foi vítima da tentativa de roubo por esticão, pelas 13h00 de ontem, junto ao bairro da Cruz de Pau, em Matosinhos. Ana foi arrastada cerca de três metros, até que a mulher largou o fio.
16 de Junho de 2011 às 00:30
 Ana Sousa, de 53 anos, ainda foi assistida no local, junto ao bairro da Cruz de Pau
Ana Sousa, de 53 anos, ainda foi assistida no local, junto ao bairro da Cruz de Pau FOTO: Renata Jardim

Com os gritos da vítima, de 53 anos, e dos populares que estavam perto, o casal desistiu do roubo e fugiu a alta velocidade num Opel Corsa preto. Ana Sousa ficou ferida, na berma da estrada: sofreu várias lesões nos braços e nas pernas, tendo sido levada para o Hospital Pedro Hispano, em Matosinhos. "Está muito assustada. Diz que foram momentos de terror", contou o filho. "Ela ouviu chamar Miguel ao condutor e se vir a passageira diz que a reconhece", refere Vítor. O jovem de 19 anos diz que já tinha avisado a mãe para não andar com ouro à vista, mas Ana facilitou. Até ontem. "Ela diz que agora não volta a usar ouro ao pescoço", salienta o filho.

A polícia foi chamada ao local e, com a descrição das testemunhas, lançou um alerta sobre os suspeitos e o automóvel. Vários carros-patrulha da PSP rondaram a zona e as estradas próximas, mas o Opel Corsa não deixou rasto.

No bairro da Cruz de Pau, onde a vítima reside, as vizinhas mais idosas ficaram assustadas. "Roubam à luz do dia, com gente a passar. Já não se pode sair em segurança", comentou Rosa Soares. "Depois desta não paro sequer para dar uma informação. É sempre a andar", acrescentou outra vizinha.

MATOSINHOS ROUBO ESTICÃO BAIRRO CRUZ DE PAU
Ver comentários