Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Paulo Guichard, ex-braço direito de João Rendeiro, foi preso

Ex-administrador do BPP está na cadeia de Custóias.
Correio da Manhã 8 de Outubro de 2021 às 12:28
A carregar o vídeo ...
Paulo Guichard, ex-braço direito de João Rendeiro, foi preso
Paulo Guichard foi preso esta quinta-feira, pela Polícia Judiciária, à chegada ao Aeroporto Francisco Sá Carneiro, no Porto, num voo vindo do Brasil. O ex-braço direito de João Rendeiro foi condenado a uma pena única de quatro anos e oito meses de prisão efetiva pela prática de seis crimes de falsidade informática e um crime de falsificação de boletins, atas ou documentos, segundo o comunicado da Polícia Judiciária (PJ).

A PJ deu cumprimento a um mandado de detenção emitido pelo juiz Nuno Dias Costa. Paulo Guichard encontra-se preso à ordem do processo de falsificação da contabilidade do Banco Privado Português (BPP). O CM sabe que o ex-administrador do BPP está na cadeia de Custóias onde vai fazer quarentena. 

Paulo Guichard, era número 2 de João Rendeiro, ex-presidente do BPP. Guichard, que vivia há vários anos no Brasil, anunciou na segunda-feira que se ia mudar para Portugal, garantindo a entrega do passaporte, colaborando, assim, com as autoridades e evitar ser preso. No comunicado referia ainda que iria residir na cidade do Porto.

Recorde-se que na sequência da fuga de João Rendeiro, o tribunal de Lisboa ordenou a entrega do passaporte a dois dos arguidos do caso BPP (Salvador Fezas Vital e Fernando Lima) e deu uma semana a Paulo Guichard para regressar a Portugal.

Em atualização
joão rendeiro preso ex-banqueiro paulo guichard
Ver comentários