Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

PJ resgata lápides romanas à venda por mil euros na internet

As peças com valor científico, patrimonial e cultural muito elevado, já que terão cerca de dois mil anos.
Manuel Jorge Bento 14 de Maio de 2021 às 10:04
PJ resgata lápides romanas à venda por mil euros na internet
PJ resgata lápides romanas à venda por mil euros na internet FOTO: Polícia Judiciária

Duas estelas funerárias (lápides de pedra esculpida) da época romana estavam em leilão numa plataforma de vendas online com uma base de licitação de mil euros. As peças - com valor científico, patrimonial e cultural muito elevado, já que terão cerca de dois mil anos - foram resgatadas pela PJ do Porto, que impediu a venda, permitindo que o Estado as comprasse para o Museu da Terra de Miranda.

"São achados muito antigos que fazem parte da nossa história enquanto civilização e estavam na posse de uma família. Interviemos no contexto de ‘intermediadores’, seguindo a Lei do Património, segundo a qual o Estado pode manifestar o direito de preferência", explicou Pedro Silva, coordenador da Brigada de Obras de Arte da Secção de Investigação de Crimes Contra o Património e Vida em Sociedade da PJ do Porto.

As duas estelas, que já tinham sido estudadas em 1886, são provenientes do sítio arqueológico de Fonte do Amador, em Duas Igrejas, Miranda do Douro, segundo a Direção Regional de Cultura do Norte. Permitirão melhor conhecimento da ocupação romana daquela região onde viveu o povo Zoela, no século I.

Ver comentários