Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Polícia alemã diz que Maddie foi morta por Christian Brueckner em Portugal

Anteriormente a investigação apontava que a menina inglesa tinha sido raptada no Algarve e levada para a Alemanha.
Pedro Zagacho Gonçalves(pedrogoncalves@cmjornal.pt) 16 de Maio de 2021 às 14:47
A carregar o vídeo ...
Polícia alemã diz que Maddie foi morta por Christian Brueckner em Portugal

A polícia alemã tem a convicção de que Maddie McCann, desaparecida da Praia da Luz há 14 anos, foi morta em Portugal por Christian Brueckner, e não levada pelo alemão para a Alemanha, como inicialmente se pensou.

Hans Christian Wolters, procurador alemão que está encarregue do caso, assegura ao Mirror que Madeleine McCann, que hoje teria 18 anos, morreu às mãos de Brueckner em território português.

Wolters, que sempre disse ter "provas concretas" de que o principal suspeito, Christian Brueckner, assassinou Maddie, sempre recusou revelar os pormenores. Agora, questionado novamente sobre se acredita que a menina inglesa foi morta, o procurador responde: "Sim, em Portugal. Estou otimista e acredito que vamos resolver este caso", garantiu.

Brueckner, de 44 anos, está a cumprir penas de sete anos de prisão pela violação de uma mulher de 72 anos, crime ocorrido no Algarve em 2005. O ano passado, as autoridades alemãs fizeram várias buscas num terreno que Christian Brueckner alugou, em Hanover, na Alemanha, tentando descobrir material informático e outras provas que o ligassem ao desaparecimento e morte da criança inglesa.

"Como Christian B. não tinha este terreno alugado na altura em que Maddie desapareceu, ele não terá enterrado nenhum corpo naquele local", explica o procurador, levantando o véu às provas que indicam que Maddie terá sido morte em Portugal.

Ver comentários