Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Prisão preventiva para quatro membros de gangue que mataram jovem à facada no metro de Lisboa

Medida foi conhecida esta sexta-feira.
Correio da Manhã 22 de Outubro de 2021 às 20:29
A carregar o vídeo ...
Prisão preventiva para quatro membros de gangue que mataram jovem à facada no metro de Lisboa
Os quatro membros de um gangue suspeitos de matarem o jovem à facada no metro ficaram em prisão preventiva. 

Os quatro jovens estão acusados de homicídio qualificado e roubo. A um deles acresce o crime de detenção de arma proibida. 

Segundo o advogado de defesa, dois dos suspeitos poderão ficar, mais tarde, em prisão domiciliária. 

Rafael Lopes, de 19 anos, morreu esta quarta-feira após ser atacado junto à estação do Metropolitano das Laranjeiras, em Lisboa. 

O homicídio terá tido origem em guerras antigas de luta de bairros, da Cova da Moura e Casal da Mira. Segundo a PJ, a vítima e os agressores trocaram provocações através de mensagens nas redes sociais. Ao que o CM apurou a vítima teria agredido os amigos dos agressores que residiam no Casal da Mira, o que terá motivado o ajuste de contas.

Em atualização

Ver comentários