Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Pulseira eletrónica para suspeito de violência doméstica no Sabugal

Homem agredia física e psicológicamente a esposa, de 49 anos.
Lusa 20 de Janeiro de 2022 às 17:20
GNR
GNR FOTO: CMTV
Um homem de 53 anos ficou sujeito a pulseira eletrónica, depois de ser detido por suspeita de exercer violência física e psicológica sobre a sua mulher, no concelho do Sabugal, anunciou esta quinta-feira a GNR.

Segundo o Comando Territorial da GNR da Guarda, o homem foi detido na quarta-feira, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE), no âmbito de uma investigação por violência doméstica.

A GNR adiantou em comunicado que os militares "apuraram que o suspeito exercia violência física e psicológica contra a vítima, sua esposa, de 49 anos".

"Perante a possibilidade de agravamento dos episódios de violência, foi dado cumprimento a um mandado de detenção", acrescenta.

O detido foi esta quinta-feira presente ao Tribunal Judicial da Guarda e ficou sujeito à medida de coação de proibição de aproximação e de contactos com a vítima por qualquer meio, num raio de 350 metros, controlado através de pulseira eletrónica.

Comando Territorial da GNR da Guarda Sabugal polícia crime lei e justiça crime
Ver comentários