Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Saiba quem é Franquelim Lobo, o barão da droga que regressou a Portugal

Histórico do crime organizado dedicou-se a todos os grandes tráficos um pouco por todo o mundo.
Henrique Machado e Sérgio A. Vitorino 4 de Abril de 2019 às 15:12
Franquelim Lobo
Maior traficante português detido em Espanha
Franquelim Lobo
Franquelim Lobo
Maior traficante português detido em Espanha
Franquelim Lobo
Franquelim Lobo
Maior traficante português detido em Espanha
Franquelim Lobo
Franquelim Lobo, conhecido na PJ como um 'clínico geral', histórico do crime organizado que se dedicou a todos os grandes tráficos – cocaína da América do Sul; heroína da Holanda, por ligação a redes turcas; e haxixe de Marrocos –, tem 63 anos. Passou metade da vida a entrar e sair da prisão e em fuga à PJ.

A última já durava desde abril de 2016, quando a Unidade Nacional de Combate à Corrupção, na operação Aquiles, desfez uma rede de subornos a dois chefes da própria PJ e prendeu vários traficantes, que estão a ser julgados em Lisboa.

Só faltava o principal, que fugiu na altura para uma vila nas montanhas do deserto marroquino, onde também esconde fortuna e tem conhecimentos.

Lobo, de sentidos apurados e com múltiplos contactos, soube rapidamente que a PJ também o visava na operação – e ao filho Chiquinho, igualmente acusado no processo –, tendo inclusive solicitado às autoridades locais buscas em casas da família no sul de Espanha.

Fugiu rapidamente mas não resistiu, mais tarde, a regressar à zona de Málaga, onde agora se deixou cair nas malhas da Justiça por uma discussão fútil com o senhorio.
Ver comentários