Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Trabalhadores do Arsenal do Alfeite acusam Governo de travar desenvolvimento do estaleiro naval

É necessário desbloquear 7,5 milhões de euros para a obra de prolongamento da doca seca.
Sérgio A. Vitorino 17 de Maio de 2021 às 08:40
Doca seca do Arsenal do Alfeite
Doca seca do Arsenal do Alfeite FOTO: direitos reservados
A comissão de trabalhadores do Arsenal do Alfeite acusa, em comunicado, o Governo de travar o desenvolvimento do estaleiro naval ao não desbloquear os 7,5 milhões de euros necessários para a obra de prolongamento da doca seca, que permitiria acelerar os trabalhos, entre outros, nos navios da Marinha.

Em causa, a passagem “dos atuais 138 metros para os 220 metros, com comportas para dividir o espaço em função das necessidades, podendo assim docar dois navios”. A falta desta obra, já aprovada desde 2017, impede a duplicação da capacidade de docagem. A doca seca está desde 2019 ocupada pelo submarino ‘Arpão’, impedindo, por exemplo, intervenção na fragata ‘Vasco da Gama’. Denunciam ainda que o Arsenal do Alfeite tem atualmente apenas 443 trabalhadores.

Ver comentários