Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Tribunal da Relação dá razão a Carlos Alexandre e mantém caução a Vieira

Recurso foi apresentado fora do prazo e tanto o ex-presidente do Benfica como o filho vão ter de cumprir com as medidas de coação que tinham sido aplicadas.
Tânia Laranjo 30 de Novembro de 2021 às 00:13
A carregar o vídeo ...
Tribunal da Relação dá razão a Carlos Alexandre e mantém caução a Vieira
A relação de Lisboa deu razão ao juiz Carlos Alexandre e recusou o recurso do advogado de Luís Filipe Vieira. O recurso foi mesmo entregue fora de prazo e o ex-presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, não pode agora contestar a caução de três milhões de euros.

O mesmo se aplica ao filho Tiago Vieira que mantém a caução e as restantes medidas de coação. É a primeira derrota de Luís Filipe Vieira na justiça e o validar do entendimento jurídico do juiz do Tribunal Central.

Os dois arguidos da Operação Cartão Vermelho apresentaram os recursos contra as medidas de coação fora de prazo e, por consequência, continuam sujeitos às medidas de coação que tinham sido aplicadas pelo juiz do Tribunal Central de Instrução Criminal.

Recorde-se que Luís Filipe Vieira e o filho Tiago Vieira estão entre os arguidos do processo Cartão Vermelho. Foram detidos em julho de 2021 por suspeita de crimes de burla qualificada, fraude fiscal, abuso de confiança, falsificação e branqueamento de capitais.
Ver comentários