Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Bombeira morre atropelada ao prestar auxílio a vítimas de acidente na A5 em Oeiras

Mulher deixa dois filhos menores que se encontravam no carro quando foi atropelada. Acidente ocorreu no sentido Lisboa-Cascais.
Correio da Manhã 3 de Julho de 2021 às 22:46
A carregar o vídeo ...
Bombeira morre atropelada ao prestar auxílio a vítimas de acidente na A5 em Oeiras
Uma bombeira da corporação de Carnaxide, de 31 anos, morreu este sábado depois de tentar auxiliar duas pessoas que tinham sofrido um acidente na A5.

Catarina Pedro saiu do carro onde seguia com os dois filhos menores para prestar socorro às vítimas, quando foi atropelada por uma segunda viatura que abalroou ainda o carro onde estavam os filhos da bombeira. Os menores ficaram com ferimentos ligeiros. 

O primeiro acidente, que envolveu um carro, ocorreu junto à saída para Linda-a-Velha, no sentido Lisboa-Cascais, em Oeiras, confirmou a GNR.

A corporação de Carnaxide, chegada ao local, após alerta para um acidente, reconheceu os menores. A mulher era colega dos bombeiros que foram acionados para o local.

Os feridos, dois do primeiro acidente e os dois filhos da bombeira, foram transportados ao hospital pelo INEM.

As vias do meio e da direita foram cortadas para proceder às operações, originando longas filas de trânsito. O alerta foi dado às 21h12.

Nota de pesar do Ministério da Administração Interna
O ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, deixou este domingo uma nota de pesar após, na passada noite de sábado, ter morrido a bombeira Catarina Pedro que, fora de serviço prestou auxílio a vítimas de uma acidente na A5, em Oeiras.

"Foi com profunda consternação que tomei conhecimento da morte da Bombeira de 3.ª, Catarina Pedro, de 31 anos, do Corpo de Bombeiros de Carnaxide, vítima de um atropelamento quando, fora de serviço, prestava auxílio a vítimas de acidente de viação ocorrido este sábado, na A5, em Oeiras.

Em nome pessoal e em nome do Governo, endereço as mais sentidas condolências à família, amigos, ao Corpo de Bombeiros, à Associação Humanitária de Bombeiros de Carnaxide e aos Bombeiros de Portugal.", lê-se na nota do MAI.

A5 acidentes e desastres acidentes de transporte
Ver comentários